NetGrana.com.br
NetGrana.com.br


 

Sistemas de Gerenciamento de Conteúdo - Você usa CMS?

Imprimir Enviar p/ amigo
4.00

CMS - Contente Management System

Sistema de Gerenciamento de Conteúdo

"CMS" significa "Sistema de gerenciamento de conteúdo". Um termo mais descritivo seria "Site de fácil atualização e gerenciamento". O objetivo de um bom CMS é torná-lo prático, fácil de utilizar e até mesmo divertido para adicionar e gerenciar o conteúdo do seu site. Não importa qual CMS você escolher, é extremamente útil entender algumas noções básicas sobre como eles funcionam.

Quando "navegamos" na Internet, geralmente pensamos em nós mudando de "página" para "página". Cada vez que a tela é recarregada, estamos em uma nova "página". Essa analogia com os livros tem alguns pontos positivos, mas você terá que abandoná-la se quiser pensar em criar um website. Livros e sites são tecnologias incrivelmente diferentes. Na maioria dos livros, quase tudo em cada página é único. Os únicos elementos repetidos são o cabeçalho e o rodapé. Todo o resto é o conteúdo. "Escrever um livro" significa, no final das contas, montar um único fluxo de palavras que começará na página 1 e terminará na contracapa. Um site tem um cabeçalho e rodapé também, mas pense em todos os outros elementos: menus, barras laterais, listas de artigos, etc. Esses elementos são separados do conteúdo. Imagine se você tivesse que recriar o menu separadamente em todas as páginas! Em vez disso, um CMS permite que você se concentre em criar novos conteúdos. Você escreve seu artigo, faz o upload para o seu site e o CMS cria uma página legal: além do seu artigo, menus, barras laterais, espaços para banners entre outras coisas...

Nos livros, cada pedaço de palavras aparece basicamente uma vez. Na maioria das vezes, você começa na página 1 e lê até o final. Isto é uma coisa boa. Nenhum site, ou e-book, pode oferecer a chance de uma concentração profunda e sustentada que você tem quando segura um único livro físico em suas mãos. É nisso que os livros são bons.  Com esse objetivo em mente, a maioria dos livros não precisa oferecer muitos caminhos para o mesmo conteúdo. Você tem uma tabela de conteúdo e, às vezes, um índice. Talvez algumas referências cruzadas. Mas a maioria das pessoas vai ler o livro inteiro. Websites no entanto, geralmente apresentam artigos ou até trechos mais curtos de conteúdo que podem ser lidos em qualquer ordem. Um blog pode ser escrito em ordem cronológica, mas os visitantes vão parar em qualquer post aleatório. Portanto, não basta publicar o seu conteúdo. Você precisa oferecer muitas maneiras para os visitantes encontrarem o que desejam. Isso pode incluir: listagens de títulos de artigos recentes, às vezes com teasers ou sinopses apresentando o artigo, listagens de categoria ou tag, anúncios de artigos semelhantes ou relacionados... 

Toda vez que você postar, todas essas coisas precisam ser atualizadas. Você pode imaginar como seria fazer isso manualmente? Não é nada fácil... E é neste momento que um bom CMS realmente brilha. Você acessa uma página de administração,  faz o upload de seu novo artigo, adiciona algumas tags, talvez fotos, e o CMS lida com o restante. Instantaneamente, seu novo artigo aparece atualizado na internet e seu feed RSS é atualizado. Alguns CMSs até mesmo notificam os mecanismos de pesquisa sobre sua nova peça. Tudo o que você precisa fazer é postar o artigo. Um bom CMS facilita a vida, mas você precisa estudá-lo um pouco para poder obter os melhores resultados. Um CMS é um software impressionante e que poupa trabalho.

Os sistemas de gerenciamento de conteúdo mais populares são o Wordpress e o Joomla! que são sistemas em PHP, Open Source (gratuítos). Ambos são utilizados para criação de sites e portais. Outros exemplos de CMS são o Plone, o Liferay e o Drupal onde é facilmente realizada a edição de conteúdos a partir do próprio site, podendo também ser usado para o gerenciamento de intranet. A maioria dos blogs que você visita na internet, utiliza algum CMS. As hospedagens normalmente já disponibilizam este recurso também.

Os CMS's possuem uma estrutura muito bem pensada, você baixa e instala o cms e ele automaticamente já estará funcionando. A versão base incluí alguns temas, templates e plugins. O legal do cms é você ter a possibilidade de incrementá-lo adicionando novos recursos para o seu blog. Existem milhares de templates e plugins para isso. Um dos sites mais conhecidos e indicados para baixar esses recursos é o ThemeForest, encontrado no no Envato marketing.

 

tags relacionadas ao artigo:
cms | content management system | sistema de gerenciamento de conteúdo | sistema de cms | plataforma de cms | o que é cms | melhores plataformas cms | temas cms | plugins cms | templates cms | curso de cms | aula de cms | videoaula cms | qual o melhor cms | programas afiliados cms | afiliados cms | onde encontrar cms | blog cms | site cms | cms wordpress | cms drupal | cms joomla | cms plone | cms liferay | loja cms | fórum cms

Sistemas de Gerenciamento de Conteúdo - Você usa CMS?

CMS - Contente Management System

Sistema de Gerenciamento de Conteúdo

"CMS" significa "Sistema de gerenciamento de conteúdo". Um termo mais descritivo seria "Site de fácil atualização e gerenciamento". O objetivo de um bom CMS é torná-lo prático, fácil de utilizar e até mesmo divertido para adicionar e gerenciar o conteúdo do seu site. Não importa qual CMS você escolher, é extremamente útil entender algumas noções básicas sobre como eles funcionam.

Quando "navegamos" na Internet, geralmente pensamos em nós mudando de "página" para "página". Cada vez que a tela é recarregada, estamos em uma nova "página". Essa analogia com os livros tem alguns pontos positivos, mas você terá que abandoná-la se quiser pensar em criar um website. Livros e sites são tecnologias incrivelmente diferentes. Na maioria dos livros, quase tudo em cada página é único. Os únicos elementos repetidos são o cabeçalho e o rodapé. Todo o resto é o conteúdo. "Escrever um livro" significa, no final das contas, montar um único fluxo de palavras que começará na página 1 e terminará na contracapa. Um site tem um cabeçalho e rodapé também, mas pense em todos os outros elementos: menus, barras laterais, listas de artigos, etc. Esses elementos são separados do conteúdo. Imagine se você tivesse que recriar o menu separadamente em todas as páginas! Em vez disso, um CMS permite que você se concentre em criar novos conteúdos. Você escreve seu artigo, faz o upload para o seu site e o CMS cria uma página legal: além do seu artigo, menus, barras laterais, espaços para banners entre outras coisas...

Nos livros, cada pedaço de palavras aparece basicamente uma vez. Na maioria das vezes, você começa na página 1 e lê até o final. Isto é uma coisa boa. Nenhum site, ou e-book, pode oferecer a chance de uma concentração profunda e sustentada que você tem quando segura um único livro físico em suas mãos. É nisso que os livros são bons.  Com esse objetivo em mente, a maioria dos livros não precisa oferecer muitos caminhos para o mesmo conteúdo. Você tem uma tabela de conteúdo e, às vezes, um índice. Talvez algumas referências cruzadas. Mas a maioria das pessoas vai ler o livro inteiro. Websites no entanto, geralmente apresentam artigos ou até trechos mais curtos de conteúdo que podem ser lidos em qualquer ordem. Um blog pode ser escrito em ordem cronológica, mas os visitantes vão parar em qualquer post aleatório. Portanto, não basta publicar o seu conteúdo. Você precisa oferecer muitas maneiras para os visitantes encontrarem o que desejam. Isso pode incluir: listagens de títulos de artigos recentes, às vezes com teasers ou sinopses apresentando o artigo, listagens de categoria ou tag, anúncios de artigos semelhantes ou relacionados... 

Toda vez que você postar, todas essas coisas precisam ser atualizadas. Você pode imaginar como seria fazer isso manualmente? Não é nada fácil... E é neste momento que um bom CMS realmente brilha. Você acessa uma página de administração,  faz o upload de seu novo artigo, adiciona algumas tags, talvez fotos, e o CMS lida com o restante. Instantaneamente, seu novo artigo aparece atualizado na internet e seu feed RSS é atualizado. Alguns CMSs até mesmo notificam os mecanismos de pesquisa sobre sua nova peça. Tudo o que você precisa fazer é postar o artigo. Um bom CMS facilita a vida, mas você precisa estudá-lo um pouco para poder obter os melhores resultados. Um CMS é um software impressionante e que poupa trabalho.

Os sistemas de gerenciamento de conteúdo mais populares são o Wordpress e o Joomla! que são sistemas em PHP, Open Source (gratuítos). Ambos são utilizados para criação de sites e portais. Outros exemplos de CMS são o Plone, o Liferay e o Drupal onde é facilmente realizada a edição de conteúdos a partir do próprio site, podendo também ser usado para o gerenciamento de intranet. A maioria dos blogs que você visita na internet, utiliza algum CMS. As hospedagens normalmente já disponibilizam este recurso também.

Os CMS's possuem uma estrutura muito bem pensada, você baixa e instala o cms e ele automaticamente já estará funcionando. A versão base incluí alguns temas, templates e plugins. O legal do cms é você ter a possibilidade de incrementá-lo adicionando novos recursos para o seu blog. Existem milhares de templates e plugins para isso. Um dos sites mais conhecidos e indicados para baixar esses recursos é o ThemeForest, encontrado no no Envato marketing.

 

tags relacionadas ao artigo:
cms | content management system | sistema de gerenciamento de conteúdo | sistema de cms | plataforma de cms | o que é cms | melhores plataformas cms | temas cms | plugins cms | templates cms | curso de cms | aula de cms | videoaula cms | qual o melhor cms | programas afiliados cms | afiliados cms | onde encontrar cms | blog cms | site cms | cms wordpress | cms drupal | cms joomla | cms plone | cms liferay | loja cms | fórum cms

NetGrana.com.br